O Canadá me Quer

"...A quem enviarei, e quem há de ir por nós? Então, disse eu: eis-me aqui, envia-me a mim." Isaías 6:8

Loucuras do Dia a Dia quarta-feira, julho 07, 2010

Embora não tenha nada haver com a historia preciso dizer que o verão chegou e Vancouver está linda!!! aqui chove, chove muito, mas o verão...Ah! o verão...

Ontem estava eu aqui em casa falando no telefone com o Leonardo quando alguém bateu na porta dos fundos, pedi a Lana pra ir lá abrir porque quem bate na porta dos fundo é a amiga dela e no verão o movimento aqui é grande.

Continuei na sala e comecei a ouvir a voz da mãe da amiga (que é a landlady) falando meio brava em persa (língua dos Iranianos), levantei e fui olhar o que estava acontecendo chegando na porta vi que só faltava o pai pra família estar inteira na minha porta, estava a mãe com o caçula de 1 ano e meio no colo e as duas amiguinhas da Lana. Nesse momento pensei "o que a Lana fez de tão grave pra estar todo mundo aqui", mas a Mulher continuava a falar e vi que não era com a Lana e sim com a amiguinha dela a Nilo.

Cheguei na porta com uma cara de ponto de interrogação e perguntei "What is..." nem terminei a frase porque ela continuava a falar com a Nilo e a Nilo me olhava com uma cara de "será que eu falo", nesse momento pensei "será que ela fez alguma coisa e veio pedir desculpas".

A mãe olha pra mim e fala "Toda vez que ela faz alguma coisa errada e alguém chama atenção dela ou ela briga com a irmã ela fala que quer que a Lana seja irmã dela e que você seja a mãe, e que vai vir pra cá e morar aqui com vocês, então ela veio perguntar se você quer ser mãe dela e a Lana irmã se ela pode morar aqui". Eu sinceramente não sabia o que essa mãe queria de mim, simplesmente porque eu nunca faria o que ela fez e ao mesmo tempo fiquei preocupada com o que falar pra criança, imagina eu rejeitar um criança isso não faz parte de mim.

Olhei pra ela com uma cara de interrogação e ela balançou a cabeça indicando que eu deveria dar um NÃO pra menina. Quero lembrar aos leitores nesse momento que isso tudo até agora está acontecendo em persa e inglês. Mil coisas passaram pela minha cabeça em segundos, eu tinha que falar pra criança que não queria ela como filha e que a Lana não podia ser irmã dela sem deixa-la magoada, ela tem 5 anos, e isso tudo em inglês que é a minha segunda língua, o que só complica a historia. Falei pra ela com muita calma que ela não podia ser irmã da Lana, mas que ela podia ser amiga, que ela já tinha um irmã. Ela olha pra mãe dela e fala uma frase em persa, a mãe olha de volta pra mim e fala "Ela está perguntando porque" E lá vamos nós outra vez, falei pra garotinha que ela já tinha uma mãe, 1 irmão e 1 irmã, maravilhosos que ela podia ser amiga da Lana minha amiga que esse era o motivo, a mãe dela pegou a deixa e falou " família Nilo" me agradeceu e foram embora. Isso sem falar que eu fiquei morrendo de medo da Lana falar: " Eba! você agora é minha irmã, vamos pro nosso quarto brincar" graças a Deus ela ficou caladinha o tempo todo.

Gente sem brincadeira minha cabeça até começou a doer. Que aperto olhar pra carinha dela, ela estava falando serio embora sem noção nenhuma do que tava falando. A Lana outro dia falou pro Leo que se ele brigasse com ela denovo ela ia trocar de pai, eu perguntei pra ela quem ela ia querer como pai e ela me respondeu "Um igual esse ai, com a mesma cara dele, só que sem ser bravo", coisas de criança. Mas a Nilo realmente tava querendo trocar a família inteira, imagina o coração dessa mãe.

Poucas horas depois as 3, Lana, Nilo e Jasmin estavam brincando juntas outra vez e hoje elas vieram aqui chamar a Lana pra brincar e falar que tinham que ficar muito tempo juntas hoje porque amanhã vão sair pra acampar por 4 dias e vão sentir saudades. Acho que essa amizade vai ser daquelas que duram pra sempre, mesmo com tanta diferença cultural.

6 comentários:

César, Valéria, Lara e Anaclara disse...

Que apuro você passou. Que saia justa! Ainda bem que tudo deu certo no fim.

E a vida segue...

Sua vontade disse...

Fiquei aqui imaginando a Lana pegando na mao da nilo e convidando pra entrar...rsrsr Que criança nos apronta cada uma... ainda bem q vc ficou bem tranquila e resolveu bem a parada. Ah!se brincar a terceira lingua da Lana vai ser o Farsi rsrrs



Bjim, Neuzinha

Lupatinadora disse...

Realmente essa foi inesperada!

Acho que você conseguiu uma saída bastante elegante. Ufa!

Ma disse...

Que saia justa, hein, Simone?
que bom que vc conseguiu se sair bem dela!
abraços!!!

Gleydson disse...

Criança é fogo!!! Quer saber a verdade sobre alguma coisa, é só perguntar pra elas. Rererererere...

Beijos!

Ana disse...

Eita, que situação, hein! Mas é coisa de criança mesmo... aqui em casa rolam uns desafetos de vez em quando, gente dizendo que eu não cuido, que não amo... afe, vai entender! hahahaha