O Canadá me Quer

"...A quem enviarei, e quem há de ir por nós? Então, disse eu: eis-me aqui, envia-me a mim." Isaías 6:8

Fireworks : Celebration of Ligth quinta-feira, julho 23, 2009


Ontem fomos assistir a primeira apresentação do campeonato anual de fogos de artificio na English Bay celebration-of-light.com. Ontem o país que apresentava era o "Canadá" e os fogos eram simultaneos com a musica do filme "O magico de Oz", fomos assistir com nossos amigos Glaydson e Silvia e amigos em comum que temos no Brasil que estão de ferias aqui em Vancouver, a orla estava muito cheia e o Show foi lindo.

Mas mais que o show em si o que me impressionou foi a organização de uma forma geral. Chegamos na praia uns 5 minutos antes de começar. Exatamente as 22:00 a apresentação começou, horário marcado pra começar, isso é fantástico principalmente pra quem depende de transporte publico.

Ninguém te empurra, claro que se você sair de onde está alguém chega pra frente. A apresentação durou 20 minutos. Quando a apresentação acabou as pessoas saíram andando normalmente, ninguém te atropela.

Tínhamos que ir até a estação do Skytrain (metro) no caminho até a estação vimos muita, muita gente indo na mesma direção, muita gente mesmo! Lógico que uns e outros gritam, falam alto, mas sem problemas nenhum. O numero de policiais nas ruas era enorme.

Chegando a Burrard Station, onde devíamos pegar o skytrain até o SeaBus para atravessar para North Van onde moramos, havia uma multidão que ia pegar o metro, mas os policias estavam organizando a fila. Como estávamos com a Lana e seu carrinho tínhamos prioridade de embarque, podíamos entrar pelo elevador onde a fila era pequena, apesar da enorme quantidade de crianças que vimos por todo lado enquanto íamos pra estação. Na entrada do elevador um policial resolvia quem realmente tinha prioridade, um casal queria passar por lá alegando que a mulher não se sentia bem, o policial perguntou logo "vocês querem que eu acione uma abulancia?" eles responderam não e logo foram pra enorme fila de entrada, enorme mas organizada.

O mais engraçado foi que no trem que viemos só havia nós três, todo aquele pessoal ia em direção oposta. Chegando na waterfront station (2 minutos depois) que é onde pegamos o Seabus, mais policiais e uma fita de segurança. O policial nos perguntou pra onde íamos e nos indicou o caminho (que sabemos de cor e salteado), mas pelo que vimos o funcionamento estava um pouco alterado, dependendo de onde você vinha não podia pegar o metro em Waterfront.

Já no Seabus um monte de gente apareceu, não sei de onde kkkk, talvez o trem atrás do nosso tenha vindo lotado. Pegamos o Seabus e chegando em NorthVan já haviam muitos onibus esperando, eles saíram todos do terminal escrito "fora de serviço" a intenção era levar as pessoas de volta para as suas casas.

Nos terminais e nos jornais as autoridades informaram de que havia todo um esquema de transporte pronto pra atender a população que fosse assistir os fogos, ninguém ficaria pra trás, o intervalo entre os "trains" no skytrain e entre um Seabus e outro foi reduzido pra atender a população. Realmente impressionante.

3 comentários:

Marcelo Menyon disse...

Srs, o que mais falta no canada além do Brasil pra nós Brasileiros, mas pergunto comercialmente..

marcelo_menyon@hotmail.com

Temperatura Máxima no Canadá disse...

Lendo o post tive a sensação de viver uma situação "igualzinha" no Brasil...hahahahaha Fala sério!!!

Não tem jeito mesmo, né?! Para que um evento funcione bem é necessário um conjunto todo da obra: policiamento, estrutura de transporte e educação das pessoas... Quem sabe um dia o Brasil chega lá...

Bjos

Rosi

Sandro e Família disse...

Simone,

Ainda nao foi dessa vez que consegui levar a familia para assistir ao show de fogos por causa do horario do trabalho, mas lendo seu post tenho certeza que a experiencia ficara gravada na memoria.

Abracao