O Canadá me Quer

"...A quem enviarei, e quem há de ir por nós? Então, disse eu: eis-me aqui, envia-me a mim." Isaías 6:8

Consulta com especialista sábado, janeiro 30, 2010



Oi pessoal, no dia 18 de Agosto escrevi um post sobre nossa primeira consulta no medico de família, nessa consulta que aconteceu no dia 17 de Agosto, a medica pediu nossos primeiros exames aqui, conversamos sobre nosso histórico medico, como estávamos no sentido naquela época e o Léo foi encaminhado pra um Gastro. Poucos dias depois recebemos o telefonema da secretaria da nossa medica de família falando a data da consulta, que aconteceu dia 28 de Janeiro. Foram 5 meses e alguns dias de espera

Como expliquei no outro post o medico de família se achar necessário encaminha o paciente pra um especialista. Se você estiver sentindo algo que julgue grave, do tipo "estou morrendo" vá direto pra emergência de um hospital. Já se o seu caso for como o do Leo, algo incomoda mas é suportável vá ao seu medico fale com ele e se ele achar necessário te encaminhará pra um especialista. O tempo de espera é relativo depende da demanda.

A consulta foi no Vancouver General Hospital. O Hospital é enorme, grande mesmo. Fomos só no prédio onde aconteceria a consulta e fiquei encantada com a organização e com a arquitetura (irmã arquiteta faz a gente reparar essas coisas). Uma semana antes da data marcada devíamos ligar para confirmar a consulta. Tinha um moço lá que se enganou, a consulta dele era no dia anterior, imagina o estresse do cara, uma confusão, provavelmente vai esperar mais um tempão.

Chegando lá nos dirigimos a recepção e já estava tudo pronto, esperamos por alguns minutos e a médica chamou o Léo, eu e Lana ficamos aguardando lá fora. O Léo voltou depois de alguns minutos e a medica pediu uma Gastroscopia (endoscopia) pra poder ver literalmente o que está acontecendo. Pelo que o Leo falou a medica foi pra lá de direta já falou que deve ser algo simples mas também falou qual seria o pior diagnótico pro sintoma embora seja pouco provável, avisou também que 1 em cada 5000 pessoas que fazem o exame tem perfuração e caso isso aconteça já fazem a cirurgia lá na hora. Olha, sempre gostei de médicos sinceros mas isso também já foi demais kkkkk. O fato de estarmos aqui sem família faz a coisa ficar maior. Embora eu conheça um monte de gente que já fez esse exame, e nenhuma tenha tido perfuração, da um medinho ouvir isso. Vou aproveitar e falar pros meus amigos médicos e enfermeiros no Brasil, venham passear aqui em Março to com uma saudade de vocês kkkkkkk.

O exame já ficou marcado pra Março e quem faz é a própria medica, se for necessario fazer algum procedimento, ela já faz na hora e já resolve o problema. Agora é aguardar mas um pouco. Até aqui a experiêcia com o sistema de saúde tem sido positiva.

9 comentários:

César, Valéria, Lara e Anaclara disse...

E com certeza não será nada demais. Coisa simples.

E a vida segue...

Neuzinha disse...

Pode ficar tranquila, que sera mais pra prevencao do q pra intervencao.
Acho super legal que aqui os medicos sao antenados com a prevencao.
Descanse em Deus.

Bjim

Ana disse...

Simone, fica com medo não. É dever deles explicarem os riscos de qualquer procedimento. Quando foram me dar a anestesia no parto da Alice, o anestesista ficou um tempão me explicando tudo, os riscos, etc... e eu doida só querendo que ele enfiasse a agulha na minha espinha JÁ!!!! hahhah.... é assim mesmo. :) Vai dar tudo certo. Bjs!

Sandro e Família disse...

Tenho certeza que não será nada de grave e o resultado do exame mostrará isso, e nossa experiência aqui com o sistema de saúde também tem sido muito positiva apesar de alguns "urubussecandus" canadenses continuarem fazendo alarme negativo.

Abração

paodequeijocongelado disse...

Olá Simone,

Não será nada de mais, pensamento positivo!!!
Adoramos conhecer vocês, além das ótimas dicas que vocês nos deram.

Bjoo
Camila

Vanessa disse...

Oi pra vocês!
Olha..é só mandar minha passagem que eu vou!!Hihihihi
Essa foto ficou muito legal..hihihi..
Já fiz endoscopia porque estava com muita dor no estômago(durante a faculdade,lógico) e descobri minha gastrite(nervosa, claro) ainda bem...pois pude tratar e estou muito melhor agora.Fala pro Leo que é de boa, eles dão um remedinho e agente "capota", não vê nada.Tem gente que até passar o efeito do remédio, fica muito engraçado, não fala coisa com coisa.Vai ser divertido pra você né simone..hihihi e pra Lana.
Bom...Deus abençoe vocês,vai ser tranquilo, já passei por isso.Abração

Dani e CM disse...

Simone
Nao vai ser nada demais, vai dar tudo certo no exame e quem sabe nao eh nervoso ne (como eu tbm tinha muuuuuuuuuuuuuita dor no estomago e ate hoje tenho mas eh pura tensao).
Eu estou adorando os teus posts medicos pq o povo fica falando tanta coisa ruim dai, assustando a gente, mas sabe ...qq coisa eh melhor que SUS no Brasil, entao to relax
Bjs

Fabiana Ferlin disse...

Oi, Simone!
Com certeza não vai ser nada grave, não.
Mas tenho que confessar que ainda me incomoda saber que, mesmo com uma dor suportável no estômago, a gente precisa esperar sete meses pra fazer uma endoscopia...
Beijos,
Fabiana

Ângela Elvira disse...

OBA!!!!!! O caonvite significa passagens grátis!!! Nossa, Simone, que bom que você e o leo estão disponibilizando este presentinho para a gente, hehehehe. Não se preocupe, é super tranquilo, isto é para evitar qualquer tipo de complicação (entenda-se processo) para o médico. Porque, caso contrario, vcs podem alegar que não foram avisados dos riscos do procedimento, e que se soubessem optariam em não faze-lo. Sinceramente, já vi umas 8917263017650876 endoscopias, sem nenhuma complicação...

Bjos

PS: aguardo a passagem, pode mandar a confirmação para o meu e-mail, hehehe.